• Artigos

ESCRITA TERAPÊUTICA EM PRÁTICA

Por Ricardo Fonseca

A Escrita Terapêutica é uma terapia onde a escrita é utilizada como uma ferramenta terapêutica, visando facilitar processos de cura emocionais, psicológicos, originando consequentemente repercussões positivas ao nível físico, social e relacional.


Esta terapia consiste na utilização da escrita através da realização de diversos exercícios previamente elaborados e/ou adaptados ao Indivíduo, que podem ser aplicados em diversos processos vivenciais e utilizados as vezes que forem necessárias, promovendo dessa forma o reconhecimento, a expressão, compreensão e aceitação das emoções inerentes a esses mesmos processos e que, quando não compreendidas, podem conduzir a significativas alterações emocionais e comportamentais.


Sendo a temática deste mês, os Sonhos, quero desafiar cada leitor a utilizar a escrita terapêutica na elaboração dos seus sonhos e na gestão emocional que está relacionada com a realização dos mesmos.


Assim sugiro que, para começarmos, se escolha e defina o nome do nosso Sonho (tudo que tem um nome, torna-se real!). De seguida escolhe-se a data de realização do mesmo, sendo que a escolha deve ser plausível, ou seja, de acordo com as nossas capacidades de concretização e de modo a se tornar viável, apesar que, desde o momento da escolha da data de realização, a sua preparação inicia-se nesse mesmo momento.


Agora, tendo escolhido o nome e a data de realização, inicia-se a escrita e elaboração das listas de factores adjuvantes, oponentes, necessidades e escolhas pessoais inerentes e necessários para a concretização do nosso sonho, começando a escrever e anotar de igual modo, quais as emoções que sentimos ao tomar consciência do que está ou não a nosso favor, do que precisamos de fazer e quais as escolhas que temos a realizar.


Como se sente ao se consciencializar sobre o seu Sonho? Quais as emoções que surgem com maior intensidade?


Tendo estas questões em mente, comece a escrever sobre o que está a sentir, recordando outras histórias relacionadas com a realização dos seus sonhos (celebrando essas vitórias e conquistas, parabenizando-se, elogiando-se), outras histórias em que não conseguiu realizar os seus sonhos (desenvolvendo os porquês, os comos, compreendendo, aceitando e perdoando).


O que tem a mudar para realizar os seus sonhos? O que tem que aceitar?

Continue a escrever sobre o que sente, tendo em conta as emoções anteriormente reconhecidas por si, consciencializando-se das mudanças que tem a realizar, as escolhas, as decisões, que conduzam para a realização do seu sonho, aceitando e reconhecendo sempre as suas capacidades, os seus limites, a sua força e motivação, para atingir o que tanto almeja.


Sente-se preparado para essas mudanças? Quer lutar pela realização do seu sonho?

Se responde afirmativamente a estas questões, poderá concluir o exercício escrevendo uma Carta de Compromisso consigo mesmo, onde escreverá o que sente, quais as mudanças, decisões a tomar, de modo a se comprometer a realizar o seu sonho, pois é dentro de cada um de nós que existe a força e motivação que nos ajudam a sonhar, lutar e Viver.




Ricardo Fonseca

Facebook: Ricardo Fonseca – Escritor

Email. percursosdevida@gmail.com


  • YouTube