• Artigos

O TEU COMPORTAMENTO É UMA FORMA DE TE ESCONDERES DE QUEM ÉS

Por Paulo Cordeiro

O teu comportamento não é quem és. Até que ponto sabes que isto é verdade?


Não falo apenas na questão racional e intelectual, mas da profundidade com que isto ecoa dentro de ti. Até que ponto sabes que não és o que construiste? Construiste essa personalidade, e lamento desiludir-te mas não és tu.


Verifica se há conflito quando lês estas palavras. O que sentes em ti?


Deixa que esse conflito te leve num caminho de volta a ti mesmo. É uma viagem, sem dúvida. Todos os teus comportamentos são pistas que te permitem saber o caminho de regresso a casa. São como dados num mapa. É como brincar à caça ao tesouro.


Não é necessário levares tudo tão a sério. Aceita as tuas limitações agora. Mas, para aceitares tens de saber o que vais aceitar. Então, é importante começares a conhecer-te. Pode ser que conheças melhor os outros que a ti mesmo. Mais uma vez, se sentires desconforto é mais uma pista. Vai colocando no mapa. Mas não leves tudo tão a sério.

Acredito que não estás aqui para sofrer. Está aqui para te lembrares de quem és. Então, reúne as pistas e mergulha, flutua, faz da forma que te fizer mais sentido. Porque é esse sentir, que faz todo o sentido. Deixa as teorias, deixa de querer ter razão. Deixa de olhar para o outro, mas se o fizeres que seja para permitires observar aquilo que está dentro de ti e que não queres ver.

Não leves tudo tão a sério.


É pelo facto de achares que tudo é importante que levas a vida tão a sério. Vida é vida. Não existe vida e trabalho. Não existe vida e relações. O todo é composto pela soma de vários aspectos. O todo é a vida.


E ela quer que abuses dela. Ela quer que usufruas. Que desfrutes. Que o faças com o coração, que em algum momento ficou fechado. Que te conectes com esse Amor que já existe, que hoje pode estar mascarado em dependência, rigidez, frieza, etc... Mas, máscaras são máscaras.


E que chegue a um ponto, que a tua vontade de as usar seja apenas no carnaval, sabendo que nesse momento "ninguém leva a mal". Nem mesmo tu.


Paulo Cordeiro Consultas de Hipnoterapia Transpessoal (Hipnose | PNL | Terapia Corporal) www.paulocordeiro.pt

  • YouTube