Transforme a sua vida: soluções de A a Z!

A vida é uma viagem veloz de prazo desconhecido, por isso, sem vergonha,

eleve-se o volume da música e cante-se com coreografia nos semáforos, fazendo valer a

pena cada segundo.


Neste instantâneo AGORA que a intensidade de cada dia simplesmente traduza a

verdade do seu valor sem necessidade de validação de mais ninguém. Reclamar o seu

lugar ao sol é mais do que ouvir a voz do seu coração, é ter a coragem de enfrentar os

seus medos, um por um, tremer nas bases, mas ainda assim por sua livre vontade,

recusar-se a ser vulgar vítima das circunstâncias.


As obras de arte surgem dos corações que vêem com os olhos da alma e seguem

a visão até ao fim deixando o vulcão que trazem dentro jorrar para o exterior…ver

muitos vêem poucos têm a coragem de caminhar entre quedas e levantos o caminho dos vence-dores. Estes que vencem as dores necessárias a cada transformação que nasce de cada batalha que travam dentro, a solo, mano a mano, onde se enfrentam a si mesmos, olhos nos olhos e se digladiam contra os obstáculos internos conscientes de que tudo fora é espelho do interior…responsabilizando-se…perdoando…pedindo perdão,

curando e escolhendo vencer a si mesmos ao invés de ficar paralisados no

percurso…estes são o que passam pela vida para genuinamente VIVER!


Constata-se que sábio é aquele que implementa a máxima do “ Aprende com o

passado, mas não te tornes refém dele”, aproveita a vantagem das aprendizagens

adquiridas e implementa nos próximos desafios, mas liberta o passado rumo a um futuro

livre de condicionamentos, como uma página em brando por escrever.

Este mês, na esfera mental, a proposta é para que escolha crescer além da sua

zona de conforto, expandir-se assumindo o esforço necessário para progredir. No seu

caderninho, faça uma lista dos seus medos, de todos aqueles bloqueios que existem em

si e que apenas você conhece. Abra o caderno, e não pense, escreva a lista que vier à sua cabeça, escreva sem parar durante cerca de 7 minutos. O tempo é para que não pense, não filtre, não analise…deixe espontaneamente sair…podem ser medos de qualquer cariz…medo de andar de avião, medo de dormir no escuro, medo de falar em público, medo de andar de elevador, medo de ficar falido, medo de não ser suficientemente bom para aquele emprego, medo de cães…garanta que lista no mínimo 7!


O passo seguinte é desses 7 escolher 5 que escolhe trabalhar para superar, um

por semana do mês. Escreva semana 1, e o medo que escolheu desafiar-se a superar.

Quando se trata de questões profundas, gravadas no subconsciente, vindas muito de trás e bloqueadas devido ao sofrimento este trabalho é apenas o primeiro passo a dar, pois pode ser extremamente trabalhoso, no entanto, possível ir além do que condiciona a sua evolução.


Feito isto, o que vai fazer é escolher pequenos passos para conseguir ir em

frente, pequenos passos que requerem a sua vontade e coragem, vai escrever para cada

dia dessa semana uma ação a desenvolver que o aproxime da cura, pode ser simples

como escrever a resposta imaginando que tem o poder de se auto curar por magia, ler

sobre o tema, meditar em busca da resposta em si, escrever o que crê que está na origem dessa situação, ou mesmo enfrentar uma mini versão do medo que o bloqueia, marcar consulta no terapeuta que o ajude a ir mais fundo se entende que é profundo demais para lidar …o importante é a ESCOLHA de agir e vencer sem congelar.


No início do dia, escreve:

“ Eu sou a força que necessito para superar o que me bloqueia, eu vou onde é preciso e

faço o necessário para conquistar a minha liberdade mental, emocional, física e

espiritual. Eu sou esse poder em mim.”

Faz 7 respirações em 4 tempos nasais (inspira, sustem, expira, sustem) contando

mentalmente sempre até ao mesmo número entre 3 e 7 (o que lhe for confortável) e lê a

frase em voz alta 7 vezes.


No final do dia, escreve:

“Obrigada, só por hoje sou grata(o) pela minha responsabilidade em curar a causa do

medo em mim, perdoo, peço perdão e envio todo o meu amor transmutando tudo em

paz e liberdade. Eu sou a minha capacidade de auto cura pelo amor que expando em

mim. ” À semelhança do que fez de manhã, Faz 7 respirações em 4 tempos nasais (inspira, sustem, expira, sustem) contando mentalmente sempre até ao mesmo número entre 3 e 7 (o que lhe for confortável) e lê a frase em voz alta 7 vezes. A cada 7 dias deste trabalho destaca as folhas e queima-as.


Esfera física: desfrute dos benefícios da Verbena, descubra a magia do poder

curativo das violetas e o que os alimentos de cor verde e de cor vermelho podem fazer

por si!


A forma de desfrutar das propriedades da Verbena é muito diversificada, pois

pode ir desde os sabonetes, champôs, óleos de massagem e aroma terapia, no seu uso

externo, à ingestão do chá, licores ou mesmo na alimentação com vegetais.

Assim, não sendo alérgico ou contra indicado pelo seu profissional de saúde, as

vantagens terapêuticas desta planta vão desde a limpeza, proteção e cicatrização de

lesões cutâneas, a contribuir para o alívio de náuseas e boa digestão. O seu poder

tranquilizante auxilia nos quadros depressivos, além disso estudos fazem referência às

suas propriedades depurativas, anti pirética, anti inflamatórias, analgésicas entre muitas

outras que elevam a imunidade e vale a pena conhecer.


As violetas são, tal como a verbena, detentoras de um manancial de propriedades

potencialmente benéficas ao restabelecimento do seu equilíbrio em bem-estar. Sendo

responsável e averiguando primeiro se corre risco de reacção alérgica, o deliciar-se com

esta iguaria no cardápio, desde os pratos principais como sopas, legumes salteados,

carnes grelhadas, guisados, às sobremesas como saladas de fruta ou mesmo um chá das delicadas flores fará maravilhas por si.


Desde ter benefícios associados enquanto descongestionante, expectorante,

diurético, anti-séptico, purificante do fígado, alívio de dor de cabeça entre muitos outros

o sabor é adocicado, o que as torna agradáveis ao paladar.


Os alimentos de cor verde, desde frutas, folhas, legumes e vegetais tais como a

alface, o kiwi, os brócolos, o abacate e tantos outros estão geralmente associados ao

processo detox, nomeadamente do fígado, porém fazem muito mais. Como a cor indica

são ricos em clorofila que muito além de uma poderosa eliminadora de toxinas, combate

a fadiga mental e o processo de envelhecimento por inibição dos radicais livres,

contribui para o bom metabolismo e potencializa a absorção de vitamina c. Baixos em

calorias auxiliam no bom funcionamento do intestino, e entre as características únicas

de cada um, todos eles auxiliam a saúde ocular pela presença de luteína e betacaroteno

contribuindo para uma pele igualmente saudável. Este grupo caracteriza-se ainda pela

presença de fósforo, ferro e cálcio. Seja criativo e versátil na confecção, e porque não

ousar uma incursão pela alimentação vegan, quem sabe se surpreenda positivamente.

Os alimentos vermelhos como o morango, o tomate, a amora entre outros, por

sua vez, além de poderosos anti oxidantes que reduzem o risco de inflamações, em

geral, são ricos em ácido fólico, vitamina c, ferro, cálcio e devido ao licopeno

apresentam propriedades que contribuem para a prevenção de certas tipologias de

cancro, de distúrbios cardiovasculares e ainda para uma boa circulação. Pela presença

de vitamina A, tal como os verdes contribuem para a saúde da pele e dos olhos.

Consumindo alimentos de ambas as cores fortalece os ossos.


Esfera emocional: vença a violência dos ambientes tóxicos através da conexão

transmutadora à cor violeta e regenere a força de vontade em si através do poder para

restabelecer o equilíbrio da cor verde!


Vou propor que crie o espaço semanal para uma atividade diferente, pelo menos

uma vez por semana comprometa-se consigo na agenda a ter uma hora dedicada a

experienciar uma forma de terapia que alia a cura pela música à cura pela cor. Muito

além dos benefícios do poder de se vestir das cores que terapeuticamente o podem

auxiliar em determinados contextos aqui a ideia é ir além desse aspeto…é ir à ligação

com o seu interior e ao seu subconsciente sem que necessariamente encontre significado para o que irá vivenciar. A ideia é mais do que aceder ao relaxamento e equilíbrio do cérebro, é…em profundidade libertar-se e dar voz ao que verbalmente é incapaz de expressar…


Sugiro nas semanas mais desafiantes da sua agenda que o faça a meio, quarta-

feira é um dia bom porque é central, porém pode preferir executar este seu espaço para

alívio do cansaço da semana. Retire para esta actividade no mínimo 30 minutos

podendo mesmo ocupar com ela toda uma hora nos momentos de maior desafio ou

tensão…ali é apenas você e o papel…sem explicar sem ter que entender…vai apenas

deixar sair…por vezes o processo é tão poderoso que em 10 ou 15 minutos está de novo

bem, leve e com energia positiva ao rubro.


Adquira folhas brancas ou mesmo um caderno só para este trabalho. Escolha

uma fabulosa música na versão instrumental ao som de violino que tenha exactamente a

duração do momento que irá dedicar à sua cura pela cor. Se preferir pode colocar uma

boa música clássica, ouvir Vivaldi ou Verdi… Pode fazer dois tipos de exercício… de


lápis na mão ao som da música coloca uma venda nos olhos e …no seu papel

simplesmente executa…ou sem venda…ao som da música solta a mente e deixa a mão

fluir livremente em traço abstrato ou traduzindo o que vier simplesmente sem

pensar…libertando-se do que jamais verbaliza…do que dói ou magoa…expressando o

que sonha…ou simplesmente tocando a cor! Entramos numa cura além do físico e

emocional…que vai à dimensão da alma…


As cores estimulam o equilíbrio natural dos chacras e têm efeitos no campo

áurico tanto quanto a nível neurológico. Embora este mês sugira o violeta e o verde, é

muito enriquecedor que trabalhe com todas elas e se expresse na sua totalidade.

O violeta é uma cor tranquilizante que além dos benefícios físicos no controle do

sistema nervoso e do ponto de vista do seu equilíbrio psicológico, trabalhar com ela

contribui ativamente para o desenvolvimento da sua intuição e espiritualidade

estimulando a criatividade para superar com serenidade os desafios, distanciando-se

para ver pontes onde o seu primeiro olhar via pedras.


O verde é por excelência a cor da cura, estimula a glândula pituitária, regula o

corpo etérico visto ser a ligação ao chacra cardíaco que como se sabe distribui a energia

a todos os outros, e contribui para a recuperação do corpo astral de traumas sofridos. O

verde é renovação e renascimento, é preparar o novo início após a transmutação do

negativo em positivo operada com o violeta. Esta cor faz a conexão com a natureza,

estimula o amor, o altruísmo, a aceitação e a compaixão em si mesmo e por si. Permite

que adquira um estado de paz, equilibrando os seus pensamentos e libertando dos

medos compreendendo a vida introduzindo nela a criatividade.


Este exercício é uma boa alternativa para quem acha a meditação ou mesmo a

visualização formas desafiantes de auto cura.


Esfera espiritual: Aqui o convite é para conhecer a energia do Mestre Vitória e

durante este mês fortalecer a conexão ao Raio Violeta e ao Raio Verde.


De acordo com a Grande Fraternidade Branca, Mestre Vitória pertence à elevada

hierarquia do Templo da Vitoriosa Conclusão na Luz Eterna e tem como Complemento

Divino a Mestre Rowena. O seu papel é precioso para os que em consciência querem

trabalhar para a sua ascensão espiritual. Este é o Mestre que está vocacionado ao auxílio

da humanidade na Vitoriosa Conclusão do Plano Divino de cada ser para que possa

tornar-se UM com Deus Pai- Mãe.


Assim, este mês dirijo-me aos que a consciência revela a etapa onde se

encontram alinhados com essa possibilidade, e a abraçam corajosamente, além dos

medos de conhecerem que acarreta desafios de um nível muito elevado, adequado ao

naturalmente exigente estado de purificação para este nível.


Na verdade são as provas que com Fé e resiliência aceitam e escolhem viver que

promovem as aprendizagens necessárias para a evolução. Em humildade podem em

meditação apelar a este Mestre da Chama Dourada com irradiações branco- cristal por

orientação, pesquisem os seus Fiat e decretos e encaixem na vossa prática diária. Sugiro

que procedam por ordem na conexão primeiramente ao Raio Violeta de transmutação do carma negativo e libertação e ao Raio Verde de cura pela verdade antes de fazer o

chamado ao Mestre Vitória.


A aprendizagem supõe o erro. Apenas os que que aceitam aprender além da dor

de cada queda e se levantam pelo amor incondicional tocam a Luz do genuíno

conhecimento. Não questionam porquê tanto sofrimento? Mas qual a aprendizagem que

fiz com tudo isto? Jamais se revoltam e agradecem por cada degrau que conquistam a

pulso do seu caminho…jamais vítimas percebem que é pelas causas que se alteram os

efeitos e responsabilizam-se a começar por si antes de atribuir culpas ou julgamentos…a

vitória não é para todos…é para os que conseguem sobreviver às provas do caminho

com o sorriso no rosto no meio das lágrimas que não revelam e guardam apenas no seu

peito.


Todos querem vitórias poucos aceitam os riscos que se escondem antes de cada

uma delas…porque parece fácil mas nem sempre é…é simples acreditar no que os olhos

vêem porém a verdade é sentida e vista apenas com o coração. A vida ensina no tempo

certo…saboreie cada dia que acordar, verdadeiramente VIVA…tudo passa seja chuva,

sol ou vento apenas o tempo jamais repete a oportunidade com que se cruza no dia que

acaba de nascer!



Sílvia Torres

  • YouTube